Antes de ir...

Assegure-se que recebe as mais recentes novidades sobre apoios e incentivos.

Email Marketing by E-goi
Skip to content
PORTUGAL 2020

Microcrédito

O que é o Microcrédito?

Provavelmente só ouviu falar em pequenos empréstimos (também designados como “Microcrédito”) promovidos pelos bancos e instituições financeiras. Esses são pequenos empréstimos, até 20.000 ou 25.000 euros mas que apresentam juros bastante altos! 

Apesar de essa ser uma possível solução para quem está a começar ou quer crescer, a verdade é que existe uma alternativa com menos custos e mais vantagens que se chama Programa Nacional de Microcrédito

O Programa Nacional de Microcrédito, também conhecido como SOU MAIS ou MICROINVEST, é um programa sob gestão da CASES.

Este programa permite o acesso ao crédito através de um financiamento de pequeno montante, até ao limite de 20.000 €, destinado a apoiar a criação e a expansão de projetos, que criem postos de trabalho sustentáveis. 

As 3 fases deste apoio

1) Candidatura

É feito um Plano de Negócios suporte à candidatura com vista a apresentar o negócio e o investimento a realizar.

2) Negociação

Após aprovada em primeira instância a candidatura, é então negociado com o banco os termos contratuais, dentro dos limites estabelecidos.

3) Aprovação

Finalizado o projeto e aprovado junto do banco, está finalmente tudo pronto para a libertação do financiamento!

Quais as vantagens e objetivos deste apoio?

Carência de 2 anos

No 1º ano tem carência total no pagamento de empréstimo e no 2º ano só paga juros.

Juros baixos

As taxas de juro associadas ao Microcrédito são de baixo valor, cifrando-se entre os 1,5% e 3,5%.

Facilidade de acesso

Quando comparado com outros apoios e incentivos, o microcrédito é de mais fácil acesso e abrange um maior público.

Quem se pode candidatar?

O microcrédito é um financiamento adequado para vários tipos de empresas, empreendedores e projetos.

Os requisitos de candidatura são os seguintes:
– Não ter dívidas à segurança social e finanças (ou pelo menos ter acordos de pagamento);
– Ter menos de 10 colaboradores;
– Apresentar um Volume de Negócios inferior a 700.000 euros anual;
– Contratar uma pessoa (ou criar o próprio posto de trabalho) nos próximos 12 meses.

Fale connosco para fazermos uma análise ao enquadramento do seu projeto sem qualquer custo.

 

Qual o montante de Financiamento?

Até 20.000 euros

A taxa máxima de apoio a fundo perdido é de 60% para territórios de Baixa densidade, sendo que a taxa normal é de 50% para todos os restantes territórios.

Esta taxa irá incidir sobre o montante de investimento elegível no âmbito do projeto. A título de exemplo, um investimento elegível de 100.000 euros, num território de baixa densidade, terá um apoio a fundo perdido de 60.000 euros.

Que tipo de investimentos são financiados?

Ao abrigo do Programa Nacional de Microcrédito, vários investimentos são enquadráveis. Destacam-se os seguintes:

Que tipo de despesas não são enquadráveis?

Ao abrigo do Programa Nacional de Microcrédito, não são objeto de financiamento as seguintes despesas:

Perguntas Frequentes

O microcrédito é um financiamento a 7 anos com várias vantagens:

– 1º ano = Carência Total: isto significa que no primeiro ano não tem de pagar juros nem amortizar capital. Ou seja, recebe o dinheiro para pagar a fornecedores e não terá de pagar o empréstimo ou juros ao banco no 1º ano;

– 2º ano = carência de amortização: no 2º ano, amortiza somente juros já que também terá isenção do pagamento ao banco. No fundo, são 2 anos de carência de amortização que, para qualquer projeto a começar ou empresa que necessite de financiamento, é altamente benéfico e fulcral;

– 3º ao 7º ano = Amortização + Juros: somente a partir do 3º ano, e durante um período de 5 anos, irá amortizar o juro mais capital do seu empréstimo.
 
 
Sim, pode. A qualquer momento, poderá amortizar todo o financiamento e deixar de ter a dívida.
 
A taxa de juro máxima é de 3,5%, ou seja, nenhum banco pode cobrar mais do que isso!

A taxa de juro mínima é de 1,5%.

Na nossa experiência de perto de uma centena de microcréditos realizados, é que a taxa média ronda os 2,25%.
 
O microcrédito é um financiamento adequado para vários tipos de empresas, empreendedores e projetos.

Os requisitos de candidatura são os seguintes:
– Não ter dívidas à segurança social e finanças (ou pelo menos ter acordos de pagamento);
– Ter menos de 10 colaboradores;
– Apresentar um Volume de Negócios inferior a 700.000 euros anual;
– Contratar uma pessoa nos próximos 12 meses.

Fale connosco para fazermos uma análise ao enquadramento do seu projeto sem qualquer custo.
 
Serão necessários alguns documentos, tais como:

– Cartão de Cidadão do(s) Sócio(s);
– Curriculum Vitae do(s) sócio(s);
– Se for uma empresa dados de constituição da empresa (Certidão Permanente e Declaração de Início de Atividade); se for Empresário em Nome Individual (ENI) ou Empreendedor, será necessário apenas Declaração de Início de Atividade;
– Folhas de Remunerações dos últimos 12 meses (se aplicável);
– IES do último ano (se aplicável);
– Plano de Negócios;
– Outros que sejam pedidos.

Sim. A vantagem do microcrédito é ser bastante abrangente. Foi feito para microempresas e empresários de quase todos os setores de atividade.

Mesmo tendo situação líquida negativa no último balanço aprovado, é possível candidatar-se a este apoio. Fale connosco sem compromisso.

Sim. Sendo uma linha de crédito protocolada,  encontra-se sempre em vigor.

Pesquisar conteúdo

Tudo sobre apoios e incentivos

PME Incentivos é um projeto dinamizado pela Macro Consulting, que visa disponibilizar, num só local, toda a informação sobre apoios e incentivos para empresas e empreendedores.
 

Siga as nossas Redes Sociais

Siga:
Blog de Empreendedorismo

Inscreva-se na nossa newsletter e receba o e-Book sobre o Microcrédito agora mesmo.